O presidente da República, Jair Bolsonaro| Foto: Alan Santos/PR

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira (10) que o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, trabalha em um parecer para desobrigar o uso de máscaras de proteção contra Covid-19 para pessoas vacinadas ou que já foram contaminadas pelo novo coronavírus. “Acabei de conversar com um tal de Queiroga, não sei se vocês sabem quem é, é nosso ministro da Saúde, e ele vai ultimar um parecer visando a desobrigar o uso de máscara por parte daquele que estejam vacinados ou que já foram contaminados”, disse o presidente.

No caso de pessoas que já foram infectadas pelo novo coronavírus, existe o risco de reinfecção. Em dezembro de 2020, o próprio Ministério da Saúde confirmou o primeiro caso de reinfecção por Covid-19 no país. Uma profissional da área da saúde, de 37 anos, de Natal (RN) havia se contaminado pela primeira vez em junho, se curou, e teve resultado positivo novamente em outubro. “As análises realizadas permitem confirmar a reinfecção pelo vírus SARS-CoV-2, após sequenciamento do genoma completo viral que identificou duas linhagens distintas”, dizia o comunicado do ministério.